• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Busca por terceiro idioma é a tendência no mercado de intercâmbios

Data: 16/10/2009
Fonte: Eu Estudante - Correio Braziliense

Em épocas de globalização e expansão da economia, saber apenas o inglês já não é mais um diferencial. A afirmação é da gerente Cláudia Belo, da agência de intercâmbio Student Travel Bureau (STB) na Asa Norte, que está no setor há mais de 20 anos. Segundo Cláudia, a tendência do mercado é valorizar mais quem domina um terceiro idioma. “As pessoas têm buscado a fluência no inglês, mas também tentam outra língua”, observa.

A procura de brasileiros por destinos não tradicionais tem crescido nos últimos anos. Aprender espanhol, russo, italiano, alemão ou francês agora faz parte dos planos de muitos estudantes. “Percebemos o crescimento até do mandarim”, diz a gerente.

Uma das escolas de idiomas mais cobiçadas é a Eurocentres. Parceira da STB, está presente em 31 localidades de 16 países. A instituição oferece cursos em oito línguas, sempre com foco na cultura local. O ensino vai dos níveis iniciais até os mais avançados, e atende tanto a objetivos profissionais como acadêmicos. Quando o estudante domina o idioma, pode se direcionar para outras áreas de interesse.Os pacotes têm duração mínima de duas semanas e máxima de 36, com média de 20 a 30 lições semanais.

Todos os anos, a instituição recebe estudantes provenientes de mais de 100 países. A procura é dividida entre 25% da América Latina, 25% de países asiáticos, 25% do Centro-Leste da Europa (maioria da Turquia) e 25% de países do leste e oeste europeus.

Da América Latina, o país campeão de procura é o Brasil, cujos estudantes de 16 a 22 anos e profissionais de até 25 anos representam 40% do total. Em seguida no ranking, vêm Colômbia, México e Venezuela. “O Brasil está entre os cinco primeiros do mercado de viagem para aprendizado de línguas”, observa Michael Gerber, diretor-geral da Eurocentres.

Gerber destaca que, além de aprender a língua, os estudantes buscam aprender mais sobre outras culturas. “Ir para o exterior significa estar exposto a outro país, é bem diferente de aprender um idioma estrangeiro na sua terra natal.” O diretor diz que, no futuro, é importante ter habilidade para se comportar de acordo com os padrões de outras culturas. Reconhecer pequenos detalhes da cultura em um trabalho em grupo, lembra ele, é importante para tornar um trabalho mais produtivo.

“O mais importante para o futuro é desenvolver a habilidade de lidar com pessoas de outros países. O quanto antes começar, melhor para o estudante. Um curso fora é de extrema importância para a carreira”, afirma.

Interface

O STB faz a interface entre o consumidor e a escola. O trabalho da agência é perceber a necessidade do intercambista e direcionar o melhor curso, escola e cidade. “Tentamos agregar o jeito de ser da pessoa à melhor oferta”, observa Andréia da Cunha, gerente da STB. A empresa trabalha com passagens aéreas, auxílio para o visto, hospedagem em casas de família ou apartamentos alugados, assistência médica, traslado, dicas sobre quantias de dinheiro, viagens curtas para fim de semana ou mais longas para antes ou depois do curso, passes de trem e até aluguel de carros.

A maior procura, diz a STB, é por cursos com duração de quatro semanas e hospedagem em casa de família, com alimentação no sistema de meia-pensão.

Informações: www.stb.com.br

Onde encontrar a agência em Brasília:
SCLN 201, bloco C, loja 16, Asa Norte, 3326-4242
SCLS 104 - bloco A, loja 5, Asa Sul, 3223-1919
Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00

Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.