• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Diversidade na escolha da nova top

Data: 10/09/2009
Fonte: Jornal da Tarde

‘Brazil’s Next Top Model’ estreia hoje 3ª temporada com lésbica e moradora da Cidade de Deus

Assim como o reality Ídolos (Record) ainda não revelou estrelas da música nacional, o Brazil’s Next Top Model, produzido pelo canal pago Sony, ainda espera encontrar a nova Gisele Bündchen. Hoje, começa outra tentativa: o programa apresentado por Fernanda Motta estreia sua terceira temporada, procurando turbinar a audiência com diversidade de candidatas (sinônimo de mais conflitos) e fazer a ganhadora alçar voos na carreira com a ajuda de grandes patrocinadores.

Entre as 20 garotas ávidas por um lugar iluminado em meio às tops mundiais - não conquistado pelas duas vencedoras anteriores, Mariana Velho, em 2007, e Maíra Vieira, em 2008 -, há uma homossexual, uma com histórico de bipolaridade, uma descendente de japoneses, uma moradora do carente bairro Cidade de Deus, no Rio...

Giovahnna Ziegler, candidata de 18 anos, é o centro das atenções desde o anúncio da nova edição do reality, no dia 5, para a imprensa. A carioca, craque no skate, se assumiu lésbica, disse que precisou driblar o ciúme da namorada para encarar a nova carreira e revelou que teme a convivência só com mulheres. “Sempre preferi a companhia dos meninos.” Giovahnna contou ainda que, antes de virar modelo, teve banda e fez teatro. “Minha família é de artistas.”

Tatiana Domingues, de 20, também ganhou holofotes antecipados por habitar a controversa Cidade de Deus, além de ser mãe de dois filhos e admitir que não sabe usar salto alto. “Quando me escolheram para o programa, não acreditei. Parecia impossível, achei que era brincadeira.”

A diversidade do casting, assume Fernanda, é pólvora para inserir mais conflitos no reality. “Nessa nova fase, o programa será bem humano, com muitas diferenças entre as meninas. Vai ter de tudo”, falou, durante a coletiva de imprensa. A apresentadora ainda promete outras novidades,sem revelá-las. “Sei que as concorrentes já assistiram às edições anteriores. Por isso, o programa terá uma novidade atrás da outra. Estamos prontos para surpreendê-las.”

Buscando incrementar o ‘empurrão’ na carreira da vencedora, a direção do reality fechou ‘bombadas’ parcerias. Além de assinar contrato com a agência Ford Models, a ganhadora vai estrelar um editorial na revista Gloss, ocupará o posto de garota-propaganda da C&A e da Intimus, ganhará um guarda-roupa novinho oferecido pela Nivea e também um curso de inglês na Irlanda, da rede STB.

Carlos Pazetto, responsável por orientar, mimar e ‘chicotear’ as concorrentes, também sinaliza dedicação maior na missão de gerar, de fato, uma top. “Serei mais intenso, tanto para o bem quanto para o mal. Quero conseguir o melhor de cada candidata.”

Os jurados do programa serão os mesmos do ano passado: a jornalista Erika Palomino, o estilista Dudu Bertholini e o maquiador Duda Molinos. Das 20 selecionadas, 7 serão eliminadas hoje. As 13 restantes ficarão confinadas em uma casa, passando por uma bateria de aulas, fotos e testes, que definirão, após três meses, a vencedora.

Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento: