• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Intercâmbio de trabalho na Disney – Parte II

Data: 05/03/2013
Fonte: Girls With Style

Já falei para vocês na primeira etapa desse post o que leva uma pessoa a trabalhar na Disney (insistência de amigos) e como foi o processo seletivo até então (bastou comparecer e parecer normal). Agora vou contar como é estar cara a cara com o RH do Mickey Mouse e como magical things can really happen quando você menos espera.

Depois de saber que eu tinha passado na entrevista com a STB fiquei aguardando mais instruções. Chegou por email o comunicado: sua entrevista com a Disney será dia tal, à tal hora, em tal hotel, em São Paulo. Oi? São Paulo?

Tá, eu sabia desde o começo que essa parte do processo seria lá, mas eu não acreditei que fosse chegar tão longe e também pensei que em cima da hora eles podiam se encantar pelas maravilhas do Rio e resolver fazer um pit stop aqui. Mas me enganei. Pelo visto eles não só não se encantaram como também, diz a boca miúda, que não vinham para cá por questões de segurança. Ou seja, além de me fu*** por morar numa cidade que dá medo nas pessoas, eu ainda tenho que ir para São Paulo fazer uma entrevista que eu nem queria muito, ó mundo cruel.

E aí vocês devem pensar: “Se você nem queria muito por que foi?”. Pois bem, foi nesse momento que eu tive que sair de cima do muro e tomar uma decisão. Ou vou, ou racho. E eu fui. Pensei que se a sorte esteve do meu lado até agora, isso era um sinal de que era para eu ir até o fim.

Eu me preparei toda. Tirei os piercings de vez, arrumei a mala mais formal da minha vida, li tudo que podia sobre a Disney, sobre como se sair bem em entrevistas, truques de linguagem corporal e tudo mais. No dia anterior eu e minha amiga pegamos um ônibus no Rio. Chegando lá nós ficamos num hotelzinho tranquilo, perto do local da entrevista para não ter erro…

Não ter erro? Porran, imagine você que nós acordamos mais cedo, nos programamos, fomos super arrumadinhas para o hall do hotel pegar o táxi e para o nosso desespero o motorista conhecia menos São Paulo do que eu, que estava indo pela primeira vez. Fora que naquela época não tinha GPS, meu amigo, era na base do erro e acerto. E ele errou, viu. Como errou. Enquanto isso a gente já estava planejando como íamos dar a notícia para os nossos pais. Em pensar que eu tinha decidido continuar com isso porque achava que a sorte estava do meu lado…

Quando finalmente chegamos no tal lugar, já descendo do táxi super cabisbaixas, uma menina que a gente conheceu no Rio nos viu e gritou “Corre, se não cês vão perder!!!!!”. Aaaa! Que felicidade! A sorte não tinha me abandonado e fez com que não só a gente chegasse atrasadas! O processo estava todo atrasado porque o trânsito de São Paulo impediu muita gente de se locomover com dignidade, incluindo pessoas da Disney. Ai São Paulo, te amei nessa hora.

Aí veio o momento da espera pré entrevista. Tem coisa pior? Você ficar numa sala com outros candidatos, pensando que ali você já pode estar sendo observado (Disney né gente, vai saber), tentando não cometer nenhum deslize ao respirar. Que coisa horrenda. Mas passou. E veio o pior, encarar o RH do Mickey.
Eu entrei com mais duas meninas:

Disney Lady: Você já visitou a Disney? O que achou?
Concorrente 1: Já! Fui três vezes. Uma com minha família, outra só com minhas amigas e também passei meu aniversário de namoro lá.
Disney Lady: Ah, você namora? Há quanto tempo? Não acha que seu namorado iria se incomodar com você quase 3 meses longe?
Concorrente 1: Namoro há 7 anos, não tem problema algum. Ele me incentiva muito, inclusive ele também já foi cast member!
Disney Lady faz cara de aprovação americana.

Disney Lady: Qual a maior vantagem de ir trabalhar na Disney? E a desvantagem?
Concorrente 2: Com certeza é poder entrar em contato com as pessoas, com diversas culturas. Adoro diversidade cultural, já morei na África, na Austrália, na Europa toda. Falo inglês, japonês e grego! E bem, a maior desvantagem? Ah! É não poder trazer a Disney de volta para o Brasil comigo!
Disney Lady faz cara de aprovação americana.

Disney Lady: E você, querida, por que acha que a Disney deve te contratar?
Carol: Acredito que sou uma profissional agregadora, conciliadora e proativa. Também adoro novas culturas, sei lidar com todo tipo de gente. E também acho que posso aprender muito.
Disney Lady faz cara de quem sabe que eu tinha decorado tudo aquilo. Praticamente uma Miranda Priestly ao ver um desfile que não gosta. Quase imagino ela falando “That’s all” no meio do meu discursinho automático.

Saí de lá mais cabisbaixa que entrei. Mas deixei passar o tempo. Foram algumas semanas de espera. Minha amiga já tinha recebido a confirmação de que ela tinha sido aprovada e embarcaria em 2 meses quando chega o meu email: STANDBY. Ok, respira fundo. Nessa época a gente trocava muita ideia com quem já tinha sido cast member em outros anos em uma comunidade no Orkut. Eu já tinha visto uma galera falando que ficou em stand e os veteranos já tinham falado que era fail na certa. Me dei mal. Miranda me reprovou e quando eu mais precisei da sorte, cadê? Nada.

Eis que magical things happen quando você menos espera. E para a minha felicidade esse foi o ano “Disney sem critério”. Enquanto no anterior, sei lá, mil pessoas passaram (tô chutando), no meu duas foram duas mil. E quase todo mundo que tava em stand foi aprovado, incluindo eu! Aêêêêê! Maior legal. Nem acreditei quando recebi as instruções da STB. Nem acreditei que tinha que resolver tudo em um mês! Nem acreditei que vários professores me liberaram de fazer prova de fim de ano!! Gente, para quem fazia faculdade nas coxas, imagina a felicidade. A Disney se saiu melhor que encomenda. E eu, desde 2005, não consigo imaginar minha vida sem os meses que passei lá.

Arrasou, seu Mickey. Sua casinha é realmente the happiest place on earth.

PS: Que tal o próximo post ser sobre a viagem? The Best Of Disney?

beijos, C.

Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00

Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.