• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Procura por cursos garante a demanda de especializadas

Data: 16/09/2012
Fonte: Correio Popular

Bolsas oferecidas por agências nacionais de fomento e por universidades internacionais levam cada vez mais brasileiros a estudar fora do país. De olho nessa demanda, cresce o número de empresas especializadas em ajudar estudantes na escolha da universidade, nos trâmites burocráticos e nos planos preparatórios para os exames de admissão.

A procura por cursos de graduação no Exterior impulsiona o negócio de empresas especializadas em dar suporte aos estudantes na escolha da universidade, nos trâmites burocráticos e nos planos preparatórios para os exames de admissão.

A gerente de Educação Internacional do STB, Renata Santana, afirma que os estudantes precisam se preparar para enfrentar as avaliações americanas e europeias, que são diferentes do sistema educacional brasileiro. "A Oxford, na Inglaterra, valoriza o potencial intelectual do aluno. Nos Estados Unidos, os estudantes durante o Ensino Médio vão construindo um currículo que os credenciará a entrar em uma boa universidade. Não é só tirar boas notas, mas ter atividades extras curriculares e constância no ensino. No Brasil, tudo é resolvido em apenas uma prova".

Renata afirma que um diploma de instituição de ensino no Exterior tem muito valor no mercado de trabalho. "Os profissionais ganham em ter acesso a grandes universidades e centros de pesquisa em todo o mundo. E, ainda, absorvem conhecimento em outras culturas, costumes, línguas, vivências diferentes. Essa carga e conhecimento também molda o profissional", comenta.

Ela ressalta que hoje há bolsas de estudo oferecidas pelas instituições internacionais e organismos de fomento nacionais que estimulam o intercâmbio.

O governo federal lançou recentemente o projeto Ciência Sem Fronteiras que prevê o oferecimento de 101 mil bolsas de estudo em quatro anos.

O diretor acadêmico e esportivo da empresa especializada em assessoria educacional, El Brazil, Ricardo Raposo, afirma que a demanda está em alta. "Nós fazemos a ponte entre o estudante e as universidades. Nós verifcamos o nível escolar, recomendamos aulas de reforça e também de inglês, buscamos pelas melhores opções de universidades e auxiliamos em todo o trâmite burocrático. O nosso custo varia de R$8 mil a R$9 mil", diz. Ele destaca que as aulas de inglês são pagas separadamente. Raposo comenta que a empresa trabalha com mais de 100 instituições nos estados Unidos.

Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento: