• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Recreio nos jardins britânicos

Data: 29/06/2012
Fonte: O Povo

Depois de três meses de quizzes entre os "cérebros" de cinco colégios cearenses, o Recreio O POVO tem dois ganhadores. Conheçam Bruno e Natália, da primeira edição do projeto, enquanto eles arrumam as malas rumo à Europa

Dizem que existe cearense em tudo quanto é canto do mundo. Pois a partir de sábado, Natália Tâmyle Alves, 17, vai embarcar no Aeroporto Internacional Pinto Martins para encontrar seu destino em Bournemouth, pequena cidade inglesa a 170 km de Londres, na Inglaterra. A estudante da terceira série do Ensino Médio no Colégio Nossa Senhora das Graças é vencedora do projeto Recreio O POVO e, ao final desta semana vai poder desfrutar de seu prêmio: quatro semanas em intercâmbio na cidadezinha britânica, com direito a duas viagens a Londres em domingos.

E ela não vai ser a única. De acordo com o produtor de eventos do Grupo de Comunicação O POVO, Jeferson Stoever, tanto Natália, quanto seu colega Bruno Henrique de Sousa, mostraram que mereciam o prêmio e ele se prepara para encarar o frio inglês em dezembro deste ano.

"Você é do Nordeste, só vê neve na TV - nunca imaginei que ia realmente poder ver", diz Bruno, sem precisar conter o entusiasmo. O Recreio O POVO é uma parceria entre o Grupo de Comunicação O POVO e a agência de intercâmbio Student Travel Bureau (STB). Para o próximo semestre, a partir de agosto, a promessa da segunda edição do projeto é de mais escolas participantes e a mesma emoção.

O jogo

As disputas começaram ainda em abril. Antes do direito de defender o escudo de seu colégio, Natália e Bruno se juntaram a Ana Maria Oliveira, Gabriela Miranda e Webert Silva, levaram a disputa interna e se qualificaram para as finais, contra representantes dos colégios Batista, Antares (Papicu), Farias Brito (Aldeota) e Ari de Sá (Washington Soares). Tudo apenas ao escolher as opções certas com a ajuda dos colegas na hora do recreio.

Definidos os cinco grupos finalistas, chegou a hora das equipes se unirem para derrubar os oponentes dos outros colégios. Melhor para a galera do Nossa Senhora das Graças, que levou a disputa. Restou, por último a fase mais "cruel" - vencer seus quatro amigos e conseguir a passagem rumo a Inglaterra. O planejado era apenas um vencedor, mas como tanto Natália quanto Bruno se destacaram, duas viagens ficam programadas. "A maior surpresa foi saber que nós dois seríamos os vencedores", aponta Bruno.

Natália já embarca no dia 30 de junho, com volta programada para o dia 27 de julho, quando se encerram as quatro semanas de cursos. Bruno, por sua vez, vai esperar até dezembro, no inverno europeu. Além do acesso às aulas de inglês, totalmente gratuitas, o prêmio inclui um programa completo de esporte, atividades noturnas e excursões turísticas, tudo com a garantia do STB. Natália e Bruno até ficam divididos. Afinal, se a moção vai poder desfrutar dias de sol igualmente, é ele quem vai fazer boneco de neve e curtir um frio abaixo de zero.

Dicas para ficar craque para o próximo Recreio O POVO:

- Para Natália, o mais importante é a concentração. "Na final, a gente tem que esquecer tudo em volta, não se lembrar de todas as pessoas olhando. É só pensar que é uma questão de prova", ensina. A calma, acima de tudo, pode ser um fato diferencial ao deixar a mente mais tranquila nos cinco segundos até apontar a resposta certa.

- "Wikipédia 24 horas por duas tem de servir para alguma coisa, né?". Com a atenção vidrada em informações e um hábito insaciável de leitura, tudo fica mais fácil, segundo ensina Bruno. Tanto ele quanto Natália se dedicaram às pesquisas com seu grupo usando enciclopédias e muito da internet. Enquanto o rapaz utilizou muito do seu fôlego para se perder entre artigos sobre fatos históricos, Natália dividiu sua atenção com matérias da atualidade e uma leitura atenta do jornal o POVO.

- O apoio e o trabalho em equipe, porém, são os fatores mais importantes para Bruno. "Eu nunca teria conseguido se não fossem meus amigos - foram eles que me convencera, a participar", conta. Formado o grupo de cinco estudantes, a divisão temática também foi preponderante. Afinal, como lembra o estudante, apesar de todo mundo ter de saber um pouco de tudo, cada membro se especializava mais em um ramo de conhecimento - atualidades, história, geografia, etc.

Bruno Sousa

Nome: Bruno Henrique Alcântara Lopes de Sousa
Idade: 17 anos
Cidade natal: Fortaleza
Matérias favoritas: Biologia, História e Geografia
Vestibular: Ciências Biológicas ou Engenharia Ambiental
Diferencial: "Sou bem calmo, mas sempre disposto para uma conversa".

Com pose tímida e papo humilde, Bruno prefere apontar a sorte como sua aliada. "Eu não me achava o mais inteligente! Eu fiquei com medo de me inscrever, mas minha família e amigos estavam sempre me incentivando e foi tudo quase de última hora - fui o último membro da equipe", enfatiza. Apesar de não gostar de dar crédito para si, Bruno Henrique supera qualquer timidez com uma conversa, demostrando conhecimentos dos mais diversos. "Só achei que podia dar certo quando ganhamos a disputa interna para representar o colégio", lembra. A literatura é uma aliada, em especial as obras de J. R. R. Tolkien (autor de O Senhor dos anéis) e Rick Riordan (autor da série Percy Jackson). Agora, na Inglaterra, o objetivo é visitar o máximo possível de construções medievais - no melhor estilo dos castelos de O senhor dos anéis -, e voltar dominando o inglês.

Natália Alves

Nome: Natália Tâmyle Alves
Idade: 17 anos
Matérias favoritas: Biologia e Matemática
Vestibular: Administração ou Engenharia de Produção
Diferencial: "Sou paciente - tudo tem sua hora para chegar".

Filha de mãe militar com pai peruano, Natália já tem uma vivência multicultural no sangue. Carioca de nascimento, ela já morou em Fortaleza em outras duas oportunidades - a atual, a terceira, completa em breve quatro anos. Apesar disso, a Inglaterra é uma oportunidade que parecia distante. Primeiro Natália quase entrou em um grupo, depois entrou no definitivo, quando as peças foram se encaixando quando a equipe dela e de Bruno foi a campeã no Nosso Senhora das Graças. Agora, de malas (quase) prontas, ela se prepara para outra bagagem: a de conhecimentos. "Não fico esperando bens materiais e compras - quero uma língua nova e muita bagagem cultural", diz. Para ela, um dos responsáveis pelo sucesso da equipe foi o próprio ensino de seu colégio. "A gente está preparado para o saber de comunicação - lidamos com liberdades e com organizações de eventos. A gente está sempre se comunicando com outras pessoas", explica, apontando o fato como facilitador para a sua tranquilidade.

Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento: