• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Sala de Imprensa

Programa de estudos no exterior permite aliar teoria e prática

Data: 07/02/2011
Fonte: Nortão Notícias - MT - Online

Nem todo mundo que pretende se aperfeiçoar tem paciência para encarar aquela salinha de aula abafada com o professor fazendo anotações na lousa. Imagine então se você encarou mais de 24 horas de voo para um país desconhecido com o intuito de estudar?

Algumas instituições fogem desse estereótipo. Na Austrália, por exemplo, há o ICMS (International College of Management), em Sydney. A escola oferece desde cursos de aperfeiçoamento até pós-graduação, com duração de seis meses a três anos.

De qualquer ponto do bairro de Manly - espécie de Leblon australiano -, consegue-se avistar o prédio do século 18. Logo na entrada, o amplo jardim é repleto de cacatuas. Dos fundos, tem-se bela vista do mar. Na hora do intervalo dá até para pisar na areia e sentir a brisa.

Pelos corredores, gente de todo o mundo: desde a Escandinávia até a Ásia.

Telas de TV transmitem informação sobre a agenda semanal (rola festa junina brasileira) e frases de apoio à diversidade e de estímulo ao respeito e às diferenças. A instituição oferece cursos de aperfeiçoamento e pós-graduação em áreas como turismo e esportes.

Rafaella Rodrigues, 24, fez faculdade de turismo em São Paulo. Viajou para Sydney no ano passado para estudar no ICMS. "No Brasil, não tive um terço das aulas práticas que tenho aqui", conta.

A instituição tem parceria com hotéis do mundo inteiro. Assim, muitos alunos conseguem estágio e trabalho, já que o visto australiano para estudante permite trabalhar 20 horas semanais.

"Por ser um lugar multicultural, muitos estudantes se adaptam facilmente. Os mais focados conseguem entrar no mercado e enriquecem o currículo com uma experiência internacional", conta Daniela Odin, 37, diretora do STB (Student Travel Bureau) Australia.

A Australian Internships oferece estágio para universitários dos 18 aos 30 anos em empresas dentro da área de interesse do estudante. O aluno recebe uma carta de referência do empregador.

Exemplo de ascensão profissional é o brasileiro Cristian Milz, 30. Ele conciliou estudos com o voluntariado nas Olimpíadas de Sydney, em 2000. Após concluir o curso de "hospitality" (turismo e hotelaria), trabalhou por três anos em um hotel.

Hoje é professor de "performance" do ICMS. O cardápio da disciplina que ministra é recheado: inclui até repertório de palavras.
Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00

Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.