• Mapa
  • Televendas (11) 3038-1551

Tudo sobre Intercâmbio

Faculdade gratuita na Alemanha? Sim, é possível!

Publicado em: 03/11/2015


03/11/2015

 

Desde que se espalhou a notícia de que a Alemanha passou a oferecer ensino superior gratuito para todos os cidadãos, seja alemão ou estrangeiro, muitos brasileiros têm colocado o país europeu no topo da lista de desejos. Se você é um dos estudantes que já está com cabeça lá sem nem tirar os pés daqui, veja o que é preciso ser feito para realizar esse sonho:


 
- Idioma


Boa parte, senão a maioria, dos cursos superiores oferecidos na Alemanha – seja graduação, mestrado ou doutorado – é ministrada em alemão. Para poder ingressar em algum deles é preciso comprovar conhecimentos avançados no idioma por meio de testes ou atingir o nível necessário em uma escola de idioma. Para os estudantes que terminaram o ensino médio no Brasil ou ainda não concluíram um ano de faculdade, as escolas de idioma na Alemanha preparam os estudantes para ingresso no programa de Foundation, que pode ser considerado o primeiro ano da universidade no país. O programa oferecido pelo STB é composto por 28 semanas de aulas de idioma e, após o aluno atingir o nível necessário, por um programa de Foundation que irá prepará-lo ainda mais para o ensino superior na Alemanha e levá-lo diretamente para o segundo ano da faculdade.

 

Quem já fez um ano de faculdade no Brasil também tem o direito de fazer um programa universitário na Alemanha. As condições para o programa são similares aos dos estudantes que acabaram de sair do ensino médio, porém é necessário comprovar o nível do idioma por meio do exame de proficiência chamado TestDaF-exam. A partir daí, o estudante seguirá direto para as aulas da universidade e não para um programa de Foundation. O estudante será preparado para esse teste – dependendo do conhecimento que ele tiver, o curso pode durar até 40 semanas – e ainda sairá com sua vaga garantida em uma universidade da Alemanha no mesmo campo de estudo que cursava no Brasil.


 
- Ensino Médio no Brasil x Ensino Médio na Alemanha


O certificado de conclusão do ensino médio brasileiro não é suficiente para ingressar em uma universidade alemã. Isso porque lá o período de estudos é maior. Para resolver a questão, há duas opções. A primeira – e mais interessante, diga-se de passagem – é cumprir esta etapa de estudos na Alemanha! Além de estudar o período completo necessário para a obtenção do diploma alemão, chamado de ABITUR, é possível já conhecer e se familiarizar com a vida acadêmica alemã, e claro, adquirir fluência no idioma. A segunda opção é fazer o complemento do nosso ensino médio por lá. Ele se chama Studienkolleg, um curso preparatório específico para estrangeiros e voltado para a área de interesse do estudante, servindo de ponte para as universidades alemãs.


 
- Trabalhar x Estudar


Para os estudantes que pretendem aproveitar o período para adquirir uma experiência profissional, a Alemanha oferece algumas oportunidades.  Para quem tem passaporte europeu só é permitido o trabalho por até 20 horas por semana sem o pagamento de taxas para o governo alemão, porém, caso o estudante tenha interesse ou disponibilidade em trabalhar por mais tempo, isso é possível, sim!


Para aqueles que não possuem passaporte europeu, esta regra é um pouco diferente. Serão autorizados 120 dias de trabalho em período integral ou 240 dias em meio período, por ano. Ainda há possibilidade de trabalhar em projetos da faculdade como estudante-assistente e esses dias poderão ser estendidos. As leis trabalhistas na Alemanha voltadas para estudantes internacionais são bem rigorosas e controladas, então fique de olho!


 
- Universidades


Há milhares de universidades na Alemanha com cursos gratuitos em diversas áreas. Porém, mesmo que não haja mensalidade, as universidades podem cobrar algumas taxas administrativas semestrais que são revertidas para o grêmio estudantil, custos diversos e atividades sociais. Pesquisar diretamente as universidades e conhecer os cursos gratuitos que cada uma oferece (tuition free), além das exigências de cada uma delas pode ser uma boa ideia para quem ainda está em dúvida.


 
- Custos adicionais


Como contamos antes, o ensino superior será gratuito e os estudantes só terão que desembolsar uma contribuição semestral para atividades sociais que são realizadas na universidade. Em alguns casos, o aluno ganha até mesmo o passe de transporte público para garantir a locomoção da acomodação para universidade e conhecer ainda mais a cidade. Esse valor varia de estado para estado e gira em torno de 250 euros por semestre. Com relação a onde ficar, é importante frisar que as universidades oferecem acomodação para os estudantes com um preço especial. Já os gastos mensais com atividades de lazer e materiais de ensino, por exemplo, custarão em média 794 euros.

 

Agora é hora de planejar a viagem e garantir sua vaga em uma universidade alemã! Converse com nossos consultores.

Voltar

Siga-nos

;
FALE AGORA COM A GENTE!
Maximizar aba
FALE AGORA COM A GENTE! Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00

Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.