INTERCÂMBIO NA NOVA ZELÂNDIA

INFORMAÇÕES ÚTEIS

IDIOMA: Inglês

CAPITAL: Wellington

CÓDIGO DDI: +64

MOEDA: Dólar Neozelandês

FUSO HORÁRIO: +15 horas em relação à Brasília

VOLTAGEM: 230 V, 50 Hz

TOMADA: Tipo I

Localizada no sul do Oceano Pacífico, a Nova Zelândia é um destino muito procurado para se fazer um intercâmbio. Composta por duas grandes ilhas principais: a North e a South Island, sendo a primeira delas responsável por abrigar mais de dois terços da população do país. Aliando o ambiente urbano (que lhe rendeu o título de capital financeira do país) ao fato de ser uma das dez cidades com a melhor qualidade de vida do mundo, Auckland é um dos principais destinos da North Island. Com atrações para todos os gostos, a maior cidade da Nova Zelândia atrai desde quem está em busca de aventuras radicais – como saltar de uma torre de 328 metros, a Sky Tower - ou de contato com a natureza, até os viajantes mais refinados, que se encantam com os museus e os três distritos vinícolas da região.

A pequena cidade de Wellington, capital da Nova Zelândia, também está localizada na North Island. Importante polo artístico e gastronômico do país, a cidade tem mais bares e restaurantes per capita do que Nova York (com destaque para aqueles especializados em peixes e frutos do mar!) e abriga o famoso Te Papa Tongarewa, museu nacional que remonta a história do povo indígena maori.

Uma das principais cidades da South Island, Queenstown é considerada a capital dos esportes radicais. Cercada por majestosas montanhas nevadas às margens do Lago Wakatipu, ela ficou famosa por abrigar o primeiro bungee jump comercial do mundo, inaugurado há cerca de 30 anos. De lá para cá, outros pontos de salto passaram a funcionar na cidade, incluindo o Nevis Bungy Jump, que com nada menos que 134 metros de altura e é considerado um dos mais altos bungee jumps do mundo.

Mas a vocação de Queenstown para esportes não para por aí. A cidade também tem boas oportunidades para a prática de paraquedismo, rafting, esqui, mountain bike, tirolesa e canyon swinging – tudo isso em meio a paisagens dignas de filme, claro.

VISTOS PARA A NOVA ZELÂNDIA

É obrigatório para quem deseja estudar na Nova Zelândia por um período superior a 90 dias. Aqueles que desejarem aliar estudo a trabalho na Nova Zelândia podem solicitar a Permissão de Trabalho, desde que estejam estudando em escolas reconhecidas pela New Zealand Qualifications Authority como de Categoria 1 ou que estudem por um período superior a seis meses na Nova Zelândia.

Existe um acordo de isenção de visto para brasileiros que permanecerão por até três meses em território neozelandês. Assim, viajantes com finalidade turística, de estudos ou de negócios não precisam de visto durante este período.

Obrigatório para quem deseja trabalhar na Nova Zelândia, independentemente do período. 

PRINCIPAIS CIDADES PARA FAZER INTERCÂMBIO NA NOVA ZELÂNDIA

ENTRE EM CONTATO COM A GENTE:

Receba mais detalhes sobre esses programas ou conheça outras opções.



Siga-nos

COMPRE ONLINE
Maximizar aba
COMPRE ONLINE Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00, exceto feriados nacionais ou feriados do estado de São Paulo.


Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.

STB - Student Travel Bureau