• COMPRE PELO TELEFONE (11) 3038-1551

INTERCÂMBIO EM AUCKLAND

 

Restaurantes, museus, florestas, praias, aventura e lazer... Junte tudo em um só lugar e seja bem-vindo à Auckland, a maior cidade da Nova Zelândia! Localizada a poucos minutos de barco de ilhas paradisíacas e destino perfeito para os mais diversos perfis de viajantes.

Antes de perder o posto para Wellington, ela foi capital do país durante 25 anos – e sua importância econômica, turística e cultural segue firme até hoje. Além de abrigar mais de um quarto de toda a população neozelandesa e inúmeras espécies raras de animais marinhos, a cidade de Auckland está rodeada por cerca de 50 vulcões, águas profundamente azuis e diversas ilhas paradisíacas! 

INFORMAÇÕES ÚTEIS

TELEFONE DE EMERGÊNCIA: 111

CÓDIGO DDI: 64

CÓDIGO DDD: 9

FUSO HORÁRIO: +15 horas em relação à Brasília, sem contar o horário de verão

TEMPERATURA: no verão, a média é de 23°C. Já no inverno, a temperatura gira em torno de 10°C

VOLTAGEM: 230V

MOEDA: Dólar Neozelandês

 

MELHOR ÉPOCA DO ANO PARA IR A AUCKLAND

De forma geral, janeiro e fevereiro são os meses mais quentes e julho o mês mais frio do ano na Nova Zelândia. No entanto, as temperaturas podem variar bastante dependendo da localização de cada cidade.


Situada ao norte da Ilha Norte, Auckland está na região mais ensolarada do país e, portanto, não possui invernos tão rigorosos como o restante do território neozelandês. Em média, os termômetros giram em torno de 10ºC durante o mês de julho e beiram os 25ºC nos dias mais quentes de verão, caracterizados pela alta umidade do ar, típica de climas subtropicais. Assim, as temperaturas amenas fazem de Auckland um destino agradável em todos os meses do ano.

O QUE FAZER EM AUCKLAND

As ilhas no entorno da cidade são a melhor opção para quem procura contato com a natureza exuberante da região. Em menos de 40 minutos de ferry, é possível chegar na Waiheke Island, uma ilha repleta de vinícolas, praias paradisíacas, áreas verdes e muitas opções de esportes radicais. Outro passeio imperdível é a Rangitoto Island, onde está o maior e mais novo de todos os 48 vulcões que fazem parte da região.

Os amantes de animas também vão curtir o Whale & Dolphin Safari, um passeio de barco por uma área preservada do Golfo de Hauraki, onde 1/3 dos mamíferos marinhos conhecidos pelo homem já foram vistos!

Ótimo programa para quem gosta de história, o acervo da Auckland Art Gallery conta com aproximadamente 16 mil obras, representando a arte do país desde o primeiro contato do povo Maori com os exploradores europeus, ainda no século XVII, até os dias mais atuais. Já o acervo do Maritime Museum enaltece a relação do país com o mar, que vem desde os tempos dos primeiros polinésios até o sucesso atual da Nova Zelândia no iatismo.

Com 328 metros, a Sky Tower é a maior estrutura do Hemisfério Sul e um dos maiores marcos da cidade. Ela fica bem no coração de Auckland e proporciona uma vista espetacular da região. Por lá, você escolhe o programa: é possível jantar com vista 360º no restaurante do local, caminhar em uma plataforma ao ar livre a 192 m de altura ou, ainda, saltar lá do alto no SkyJump.

Por fim, em uma fazenda a 170 km da cidade, é possível conhecer o set de filmagens de O Senhor dos Anéis e de O Hobbit, vendo de perto as casas, a decoração, os jardins e tudo o que envolveu as duas trilogias!

 

TRANSPORTE PARA O SEU INTERCÂMBIO EM AUCKLAND

A cidade possui meios de transporte terrestres e aquáticos. Para utilizá-los, você deve adquirir um Opal Card, cartão eletrônico recarregável que dá acesso aos principais meios de transporte público. O cartão possibilita ao usuário comprar passagens promocionais, como preço fixo para um dia ou uma semana e descontos para uso de trem fora do horário de pico. 


É na Britomart, principal estação da cidade, que se cruzam as quatro linhas ferroviárias locais: Eastern, Southern, Western e Onehunga. Ali também é possível adquirir o HOP card, cartão pré-pago que dá desconto nas viagens de trem e dos demais transportes públicos de Auckland, como ônibus e balsas.

Para calcular o preço das passagens de ambos, a cidade é dividida em 13 zonas tarifárias. Assim, as passagens são cobradas por distância percorrida e não levam em conta quantos ônibus ou trens você utiliza pelo caminho.

 


Há três tipos de ônibus circulando pela cidade. Os vermelhos transitam pelo centro, os verdes vão para o interior dos bairros e os laranjas levam até os subúrbios de Auckland. 

Confortáveis, todos possuem ar-condicionado e funcionam diariamente (inclusive aos finais de semana e feriados).

 

Utilizado para fazer a travessia até as ilhas mais próximas, como as paradisíacas do Golfo Hauraki, e para ligar Auckland CBD aos bairros costeiros, o ferry é uma ótima alternativa.

 

ONDE COMER EM AUCKLAND

 Que tal começar pedindo enguia defumada, acompanhada de salada de endívia, maçã, gengibre, erva doce e pancetta no Cornwall Park Bistro? Os pratos e drinks do charmoso restaurante procuram valorizar produtores e alimentos regionais e reservam boas surpresas ao paladar. Mas nem só de excentricidades se alimentam os moradores de Auckland.

Com três distritos vinícolas e uma infinidade de opções gastronômicas de alta qualidade (influenciadas pela cultura dos inúmeros imigrantes que vivem na ilha), a cidade têm restaurantes capazes de agradar a todos os bolsos e paladares.

Se a ideia for fazer um happy hour, por exemplo, escolha as mesinhas na calçada do Depot, restaurante especializado em ostras e mini sanduíches. Nos horários de pico, a casa fica cheia e o espírito de confraternização reina entre um drink e outro.  Outra opção para quem procura um ambiente animado é o Casita Miró. Localizado na paradisíaca Waiheke Island e figurando constantemente na lista de Best Destination Restaurant (publicada por uma revista local), o restaurante é especializado em comida mediterrânea e tem belíssimas vistas para as vinícolas da região. Por lá, quase todos os ingredientes têm origem na própria ilha, das ervas e temperos aos ovos, peixes e ostras.

E por falar em comida mediterrânea, outra dica é conhecer a cantina italiana Coco’s. Dirigida por duas irmãs, a casa propõe uma culinária rústica com influências do mediterrâneo. O destaque fica por conta do spagetthi com almondegas caseiras – grandes, macias e extremamente saborosas!

A decoração com temática marítima do The Ancient Mariner não deixa dúvidas sobre a especialidade da casa: o fish & chips. Por lá, o tradicional prato inglês (que também marca presença na culinária neozelandesa) ganha destaque pela qualidade e simplicidade. Servidas em pequenas caixinhas de papelão (estilo take away), as porções são feitas com peixes frescos e batatas cultivadas localmente.

ONDE FAZER COMPRAS EM AUCKLAND

A cerca de 30 minutos do centro da cidade está o mais famoso outlet de Auckland: o Dress Smart. Diferentemente dos outlets americanos, ele assemelha-se a uma pequena galeria, mas não deixa nada a desejar no quesito marcas: Nike, Adidas, Lacoste, Levi’s, Rip Curl, Quicksilver, Puma, Element, Converse e Vans são apenas algumas das lojas que você encontra por lá.


Outra opção é a Queen Street, um dos principais destinos de compras da cidade. Caminhando em direção ao porto é possível encontrar desde lojinhas de souvenir até lojas de alto padrão – além de bares, cafés e restaurantes.

Quem procura produtos mais autênticos vai se apaixonar pela Elephant House, uma cooperativa de artesanato local que reúne joias objetos de decoração, acessórios, cosméticos e roupas – tudo feito com matéria-prima neozelandesa!

Assinada por uma estilista kiwi e aliando o luxo à moda urbana, a Karen Walke vende roupas, perfumes, calçados e acessórios. O sucesso da marca é tamanho, que hoje ela conta com filias espalhadas por cerca de 40 países. Além disso, Rihanna e Gigi Hadid já foram vistas vestindo peças da loja. 

  

O QUE FAZER À NOITE EM AUCKLAND

 De bares intimistas a baladas mais sofisticadas, o que não faltam são opções para quem deseja curtir a noite na maior cidade do país.

No Brothers Beer,  mais de 200 tipos de cerveja compõe o cardápio. Não à toa, o lugar figura na lista dos 21 melhores bares para se beber cerveja no mundo, segundo o site americano Thrillist. Outro destino para os fãs da bebida é o Fox Sporting Bar. Equipado com diversos televisores, o bar é o destino preferido dos locais para assistir a partidas de esportes nacionais e internacionais durante o happy hour.

Quem busca curtir a noite em um ambiente mais sério, encanta-se com o Coley & Punch, um charmoso bar com vista para o Porto de Waitemata onde a extensa lista de cocktails faz sucesso entre o público jovem.

Quem procura ouvir boa música ao longo da noite não pode deixar de conhecer o pub irlandês Danny Doolans, único da cidade a oferecer shows de música ao vivo durante todos os dias da semana!

A música eletrônica também ganha destaque nas inúmeras baladas da cidade, especialmente na descontraída Lenin, onde a pista de dança é dividida por um bar 360º, e a luxuosa Twentyone, que reúne os melhores DJ’s de Auckland de quarta a sábado.

 

COMO DAR GORJETA EM AUCKLAND

Em Auckland, assim como em toda a Nova Zelândia, gorjetas não são comuns. Mas, se você considerar o atendimento verdadeiramente extraordinário e quiser recompensá-lo, deixe algo em torno de 5% e 10%.

CURIOSIDADES SOBRE AUCKLAND

Antes de perder o posto para Wellington, Auckland foi capital da Nova Zelândia durante 25 anos. Mas a mudança não chegou a abalar a autoestima da cidade, que mantém o título de maior do país e conta com 1.086 km² de área territorial.

Pouco mais de um quarto da população neozelandesa vive aqui. Desta, 1/3 possui barco próprio. É o maior número de iates per capita do mundo! Tá explicado por que a cidade foi apelidada de “City of Sails” (cidade das velas), né?

Em Auckland é possível se deslocar do Oceano Pacífico ao Mar de Tasman em apenas 4h de caminhada!

Há cerca de 50 vulcões no entorno da cidade. O Rangitoto é o mais novo de todos eles e tem cerca de 600 anos – o que significa que os primeiros maori testemunharam o seu surgimento. 

CUSTO DE VIDA EM AUCKLAND


 

ENTRE EM CONTATO COM A GENTE:

Receba mais detalhes sobre esses programas ou conheça outras opções.

 

 

Siga-nos
COMPRE ONLINE
Maximizar aba
COMPRE ONLINE Minimizar aba

O Atendimento Online do STB está disponível de segunda à sexta, das 9h às 19h e aos sábados das 10h00 às 13h00, exceto feriados nacionais ou feriados do estado de São Paulo.


Se preferir, clique aqui para enviar uma mensagem para nós e receba informações detalhadas sobre nossos produtos.

STB - Student Travel Bureau